Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.

Oficina de Escrita Literária - POESIA - on line

Untitled-1
Despertar poesia - Inspiraturas
vivências de poesia para iniciantes e amadores
com ênfase na escritura de poemas
exercícios lúdicos e práticas de escrita criativa
subsídios teóricos para a produção de poemas autorais
incentivo à troca de experiências, impressões e sugestões
acompanhamento da produção e dos resultados
Às segundas-feiras, 19:30h até 22h na Casa do Poeta Inspiraturas - Pelotas RS
início em junho. Apenas oito vagas - 70$mês
www.inspiraturas.com
whatsapp 53991212552
oficinainspiraturas@gmail.com

10 de set de 2010

Exercício do Ego

Exercício do Ego

Eu sirvo o meu vinho preferido
Eu farejo o perigo
Eu busco o beijo molhado
Eu pego o telefone e calo...

Eu deixo a porta aberta
Eu sirvo mais e mais vinho...
Eu busco metas e me vejo só
Eu deixo a flor roxa na janela
Eu deito nua no tapete
Eu faço bico
Eu olho o nada
Eu olho o nada
Eu sinto o ir e vir
Eu queria sorrir
Eu olho o nada
Eu olho o nada
Eu sinto e sinto
Eu sinto a dor
Eu sinto o tapa
Eu choro de raiva
Eu fico torta
Eu grito nua
Eu tenho a cara no tapete
Eu sinto o ir e vir
Eu sinto o ir e vir... o ir e vir... ir e vir... ir e vir e ir e vir
Eu abafo o grito
Eu acho o perigo
Eu sinto no íntimo
Eu olho o chão
Eu olho o chão
Eu grito e grito
Eu grito de paixão
Eu grito de paixão
Eu não sinto mais o ir
Eu não sinto mais o ir
Eu não procuro o olhar
Eu volto a respirar

Eu bato a porta
Eu saio à rua
Eu ando na chuva
Eu entro em casa
Eu deixo a água escorrer na banheira
Eu tenho a cabeça n’água
Eu morro ali
Eu já era... quimera... alguém me traz de volta...
Tu
Logo tu
Eu que já ia embora
E agora?

Agora é hora de dormir, amor.

Madame M.

Nenhum comentário:

Postar um comentário