Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.

Oficina de escrita literária Inspiraturas, em Pelotas

Oficina de escrita literária Inspiraturas - o fim da página em branco - A ti, que ainda acreditas na escrita, em especial a Poesia, como ...

30 de jun de 2011

4ª rodada - Sol do teu amor

Sol do teu amor

Vejo-te, doce imagem de bucólico viço
Cheiro-te, aroma que me fecha os olhos de prazer
Ego insaciável é te querer
Penetra, espeta a alma como um ouriço.

No doce mel dos teus beijos
Deleito-me, saboreando tuas curvas
Teus olhos abrem e fecham, negras uvas
Chegas ao ápice do gozo em real ensejo.

Não há força no mundo que persista
Exceto os gritos de prazer que tuas bradas
Dos teus desejos, meu coração é filho.

Sinto minhas asas na cama alada
Em êxtase total que o corpo insista
No sol do teu amor, de intenso brilho.

Tony Montana

3 comentários:

  1. Tony Montana

    Profundo este teu poema. Eu diria louco, teu desejo

    Dos teus desejos, meu coração é filho. {ou seria ...cativo! } Não vi onde o filho se encaixa nessa doce paixão... Mas, longe de mim macular sua musa.

    Sou simples leitora...

    ResponderExcluir
  2. Tony Montana escreve um poema amoroso, sensual. O corpo é o centro, o alvo em torno do qual as sensações são descritas. Gosto da maneira como ele foi escrito, embora, em geral, tenha algumas restrições quanto ao tema escolhido.
    Nota: 4,7.

    Luciana Del Nero.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o poema, gostei das imagens criadas, o ritmo bem marcado deixa o leitor sem fôlego. Não gostei do 'ego espetando como ouriço'... todo o resto é ótimo.
    Nota: 4,8

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...