Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.

28 de jul de 2011

Ode a Lisiatã

Ó Lisiatã senhora das dores
Por que me destes a chaga
Dos teus devassos amores,
Mata-me enquanto me afaga

Ó grã-senhora da aflição
Teu cabelo exala o fragor
Perverso da tua sedução
Raiz de todo o teu furor...

Ó rainha que varre a noite
Embalando-me em sabores
É no amanhecer é só açoite
O dia é saudades e temores...

Ó voraz rainha da escuridão
Nobre filha da lua e do vento
Gargalha com minha solidão
Deleita-se com meu tormento

A vós senhora eu amo e odeio
Para vós eu canto e maldigo
Derramo-me em teu nobre seio
E toda noite seu amor mendigo...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oficina de escrita literária Inspiraturas, em Pelotas

Oficina de escrita literária Inspiraturas - o fim da página em branco - A ti, que ainda acreditas na escrita, em especial a Poesia, como ...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...