Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.

21 de ago de 2011

Acumulai apenas


Acumulai apenas


Acumulai apenas
O que podes
Levar nas mãos

Eterno é o tempo
Só para os deuses
Vós que sois mortal
Tendes de herança
Apenas o momento...

O que sabes ao certo
O que há atrás
Do véu da morte?
Eterna salvação
Se tivermos sorte,

Pois aqui de eterno
Apenas o agora,
Equilibrai o pensamento
Desfruta os sentimentos

Não como cavalo xucro
Desesperado galopeando
Pois se houver após
A morte eternidade
Esta por si vem de lucro...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

encontre a Casa do poeta Inspiraturas: