Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.

9 de out de 2011

3ªOficina - 1ªrodada - O Guardador de Silêncios


O GUARDADOR DE SILÊNCIOS

silêncio é saber o momento certo de calar
o que não precisa ser dito.

posso escolher o silêncio do meu quarto
ou estar em silêncio na multidão.

se o silêncio grita para não ser ouvido
eu me calo e venço a batalha.

guardo silêncios
como quem pastoreia rebanhos

no inverno da alma
porque é no frio que eu alimento

os silêncios guardados
para ter o dom de ouvir

as engrenagens do mundo
evolucionando ao redor de mim.

Tom Alguma Coisa

4 comentários:

  1. Poeta Tom

    O GUARDADOR DE SILÊNCIOS é um texto conceitual muito bonito.

    Sou receptivo a uma abordagem mais contemporânea da poesia, no entanto, para minha leitura tocar a plenitude do poema, esse deve contar com elementos mínimos que favorecem a estética e denotam poesia.

    Senti falta de ao menos um desses três elementos: a rima, o metro e o ritmo. Assim, o poema parece tender para uma prosa distribuída em versos e com um excelente conteúdo.

    Nota 3,0

    Grande abraço

    Wasil Sacharuk

    ResponderExcluir
  2. A intertextualidade com o poema O Guardador de Rebanhos, de Alberto Caeiro, tanto no título, quanto na forma de tecer os pensamentos, foi uma boa sacada. Revelou-se erudição no desenvolver do tema.

    Todavia, a "roupagem poética" começa a se desenvolver somente a partir do 7º verso, quando rima e ritmo seguem suaves num lirismo de expiação de um mesmo pensamento.

    Nota 4,0

    Rogério Germani

    ResponderExcluir
  3. 4º poema = “O guardador de Silêncios”
    (Tom Alguma Coisa)

    Aspecto Positivo: somente a louvável tentativa do poeta.

    Aspecto negativo. O texto é desconexo e óbvio demais. Não traz nenhuma surpresa nem metáforas apreciáveis. Enfim: não gostei!

    Nota: 2 (dois)

    Mailton Rangel

    ResponderExcluir
  4. Não vejo clareza de exposição, incerteza do quer e vai alcansar.
    Finaliza numa quase retomada de intençãoà altura da idéia.

    nota:2,5

    ResponderExcluir

Oficina de escrita literária Inspiraturas, em Pelotas

Oficina de escrita literária Inspiraturas - o fim da página em branco - A ti, que ainda acreditas na escrita, em especial a Poesia, como ...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...