Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.

4 de fev de 2012

OS LÍRIOS DO RIO PIEDRA


OS LÍRIOS DO RIO PIEDRA


Bálsamo eterno, berço dos deuses
Oráculo da divina face da terra

Os doces lírios do Rio Piedra

Lírios que suas margens adornam
Enquanto desliza por teu leito
Tua noiva, véu que desce a serra

Aspergindo tua audácia vital
Sobre os doces lírios que te guardam...

Ó grande Rio Piedra, de tantas faces
De tantas quedas, vale dos suplícios

Dei-me os teus formosos lírios
Que brotam em meio as tuas pedras...

São imponentes os lírios do Rio Piedra

De singelo se vestem, em glória se revestem,
Oasis divinos se formam no teu ventre,

No meu eco grito mil vezes quão divinos
São os inigualáveis lírios do Rio Piedra...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

encontre a Casa do poeta Inspiraturas: