Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.

4 de fev de 2012

REFLORESCER


REFLORESCER


Ó Cristina,
Por que não te satisfaz
O jardim do meu regaço?
O que mais queres
Que eu te ofertar?

Tantas são as borboletas
Que desejam aqui pairar...

Por que não te deleitas
Nesta fonte cuidadosamente
Ornamentada em meu peito?

A vida passa,
As flores passam também
Os jardins trocam suas flores

E um botão não pode
Duas vezes florescer...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

encontre a Casa do poeta Inspiraturas: