Queremos o fim da página em branco. No projeto Inspiraturas, exploramos estímulos muito diversificados que têm no grupo a base fundamental. Daí, podemos treinar e desenvolver uma escrita mais sensível, espontânea e livre. Uma forma lúdica de derramar as palavras ainda não escritas.
OFICINA DE ESCRITA LITERÁRIA INSPIRATURAS - Repaginada para 2019 - novos desafios - inscreva-se! Integre conceitos, técnicas e inspiração em desafios lúdicos

27 de mai de 2019

Laboratório de escrita literária on line

Laboratório de escrita literária on line 

INSPIRATURAS - Escrita Criativa - oferece aos interessados na produção de narrativas curtas ou poemas, um laboratório de iniciação literária que busca integrar conceitos e técnicas literárias com o incentivo e desenvolvimento da expressão criativa e pessoal. 

Com encontros totalmente à distância via e-mail e outras ferramentas digitais, sem definição de data para início e fim do processo, buscamos eliminar a dificuldade do gerenciamento do teu tempo. Contarás com um atendimento personalizado, tal um processo de mentoria direcionado ao teu processo individual de criação. Após conhecer teu perfil, focalizaremos o tratamento aos anseios e necessidades de desenvolvimento da tua produção. Identificaremos os aspectos deficitários de forma a extrair o potencial máximo do texto literário. Terás uma experiência absolutamente produtiva e transformadora. 

Trocaremos e-mails ilimitados contendo orientações e desafios de produção para o desenvolvimento da criatividade e da imaginação, cujo resultado será avaliado e, caso necessário, retrabalhado para incorporar novos elementos. A produção constante te estimulará a conquistar o domínio das técnicas mais rapidamente. Todas as produções serão cuidadosamente tratadas e comentadas pelo facilitador Sacharuk. O desenvolvimento das habilidades se dará pela prática da escrita dos textos, enquanto os fundamentos teóricos serão utilizados apenas para subsidiar o desenvolvimento dos aspectos necessários. 

Tua forma individual de expressão e de estilo será considerada e estimulada, enquanto poderás incrementar tua escrita com novas características estilísticas. O teu texto será nosso material de trabalho e a ele será dedicado um olhar atento e criterioso do facilitador, além de sugestões, dicas e críticas focadas nos aspectos positivos e negativos. O laboratório pretende o exercício leve e agradável de brincar literariamente com a criatividade. 

O investimento é de setenta reais mensais, com pagamento via pagseguro ou paypal. 

INSPIRATURAS é um projeto voltado para atender escritores em Língua Portuguesa que aspiram produzir textos literários como uma ferramenta para o desenvolvimento pessoal. O laboratório quer ser teu coadjuvante no processo de ilustrar sentimentos, bem como desenvolvê-los e expressá-los numa estética bela e sensível. Primamos pela espontaneidade, pela gentileza, pelo respeito à diversidade e pela crença de que a literatura é capaz de fortalecer a existência. 

Solicite mais informações - preencha o formulário: https://forms.gle/2oMWbjPKthcV1UTg9

Facilitador: Sacharuk é escritor gaúcho e membro fundador da Nova Ordem da Poesia e facilitador das oficinas presenciais do projeto Inspiraturas, ambos voltados para o compartilhamento e a troca de experiências literárias de novos escritores. Publicou “Uma Outra Gnose”, "O Arquivo e a Verve", "Escorpião - versos autobiográficos" e “Poesia dos Desadornos”. www.sacharuk.com. 

informações: 

whatsapp 53999434524 

Solicite mais informações - preencha o formulário: https://forms.gle/2oMWbjPKthcV1UTg9




12 de mai de 2019

Oficina de Contos INSPIRATURAS.



Oficina de Contos INSPIRATURAS
Queres escrever CONTOS e não sabes como começar?

Todo autor já passou por isso, no entanto, te apresentamos a solução: As propostas e desafios INSPIRATURAS já despertaram dezenas de novos escritores através de suas exclusivas oficinas on line e presenciais. Podemos te ajudar DE VERDADE a escrever o teu conto, porque nós sabemos como fazê-lo.

Oficina de Contos INSPIRATURAS

Queres escrever narrativas curtas fluidas e encantadoras?

Então, não precisas mais viver a sensação de frustração de esbarrar na técnica de criação, na criatividade e na expressão. Poderás conquistar e desenvolver o teu talento! Um verdadeiro “upgrade” para a tua criação literária.

Continua lendo com atenção e, ao final, uma surpresa te espera.

ENCONTROS NOS DIAS 03,10 E 17 DE JULHO, 19h, na Casa do Poeta Inspiraturas. Teremos chimarrão, café e vinho. Mas presta atenção: são apenas sete vagas! Inscreve-te logo, senão, só em outubro.

A criação das personagens; enredo, tempo e espaço; a escolha da voz; como contar; o que não fazer; mecanismos e fundamentos da escrita; como alcançar o leitor; narração, descrição, diálogo e digressão; estrutura tradicional; minitrama.

Queres escrever aquele conto que pode ser lido “numa sentada”?

Os primeiros quatro inscritos serão prestigiados com um exemplar do livro Inspiraturas Ano I, coletânea de criações dos oficineiros INSPIRATURAS.

Ah, e tem mais: os NOVOS OFICINEIROS garantirão um desconto especial de cinquenta porcento para a próxima oficina Inspiraturas, porque prestigiando a quem nos prestigia, cresceremos todos juntos!

Não perde a chance de te sentir orgulhoso dos teus contos.

Oficina facilitada por Sacharuk, escritor da Nova Ordem da Poesia e criador do projeto Inspiraturas, para o despertar de novos autores, autor de Escorpião – versos autobiográficos, Inspiraturas Ano I, O Arquivo e a Verve, dentre outros.

Pronto para te inscrever? Então vamos lá! Preenche o formulário no link abaixo:
https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSdDKOMRuVvMOnb-7W6y1YDcEMDUcNH3occR_U-00SgGAsCSNg/viewform

Ah, a surpresa que te prometemos: tu poderás contar com completa assessoria aos teus textos literários, na forma de revisão, orientação e sugestões, até o final de 2019! E ainda, tu poderás participar das próximas oficinas INSPIRATURAS sem nenhum custo até o final de 2019. Continuaremos, dessa forma, trabalhando juntos pelo teu desenvolvimento. Só isso já vale o investimento de noventa reais! (oferta válida apenas para a primeira turma).

Leva INSPIRATURAS para tua cidade, tua escola, tua instituição... Fala conosco!

Inspiraturas – Oficina de Escrita Literária
www.inspiraturas.com
inspiraturas1@gmail.com
whatsapp: 53 999434524


10 de abr de 2019

Sobre "Poesia dos desadornos", de Sacharuk - o prefácio



Há uma fogueira santa à espera dos ousados prefaciadores, em especial, dos insipientes oficineiros. No calor do momento, aceitei o risco.

Ler poesia e senti-la é deixar-se deslumbrar pelas surpreendentes nuanças da palavra a colorir o trivial mistério nosso de cada dia, nos desvelando os segredos. É deixar-se tocar pelo inusitado verso a desvendar novas trilhas do dizer, nos impactando pra sempre. Assim é nesta obra, a segunda publicada pelo autor.

Há uma provocação despretensiosa na poesia de Sacharuk: despertar o imagético do nosso recôndito imaginário, nos convidando a navegar de braços abertos na proa de um moderno transatlântico a tangenciar os nossos icebergs, ou de olhos arregalados numa astronave a nos embevecer com as estrelas.

O autor, com peculiar e vigoroso estilo, canta em versos o amor sensual, e constrói cenas poéticas com elementos da natureza, que, ao sabor das palavras, emolduram sua obra com imagens de beleza rara.

Sou grata, sou aprendiz, estou feliz, quanta honra, meu professor!

Eva Crochemore

1 de mar de 2019

Viagem ao interior, por Eva Crochemore




Viagem ao interior

Preciso ir para fora, fora da cidade, fora do meu eu urbano e conturbado. Há uma latente ruralidade a me inquietar, sempre me chamando com sua força viva.  Tão logo sair da gaiola, qual bicho do mato do século XXI me embrenharei no matagal cerrado por toda espécie de árvores. Quero filmar as frondosas, bem copadas, jogando-se com a força de todos os ventos sobre as mais frágeis, por vezes fustigando-lhes os galhos, colocando em risco os ninhos dos passarinhos e jogando longe indefesos insetos antes abrigados em suas folhas.  Focarei as pequenas touceiras acotovelando-se, na disputa do melhor espaço para assistir ao espetáculo do astro rei, esquivando-se das sombras do arvoredo que, com o passar das horas, teimam em impedir seu banho de sol.
   
Abrirei ouvidos, coração e microfone para absorver e gravar as ondas sonoras de todos os naipes agudos da passarada desassossegada, que empreende sem cessar os voos de sobrevivência na sua efêmera vida, enquanto orquestram no tapete verde, a céu aberto, inéditas sinfonias, árias inimitáveis apresentadas em consertos diários, que cessam a cada anoitecer para recomeçar na madrugada seguinte.  Então é chegada a vez dos pássaros noturnos; com sons graves intermitentes, repetem todas as noites as mesmas canções sinistras que infundem pavor aos notívagos ou, ainda, despertam um sombrio mistério aos insones românticos.
   
Será fascinante acompanhar o joão-de-barro em construção; ele e a parceira, em revezamento, do barreiro até o local escolhido, começam a obra, com prazo exíguo para entrega.  Ao longo de poucos dias, projeto e execução vão se concretizando. Ele vai, e volta com seu bico cheio e, enquanto deposita aquele primeiro tijolinho, ela voa até o barreiro e já retorna com o segundo. Assim, após centenas e centenas de viagens, no mais laboroso vaivém, na mais sincronizada força-tarefa, vão edificando a casa. Diferentemente dos muambeiros, podem passar muitas vezes por aduanas; ninguém desconfiará de contrabando, nem lhes confiscará a bagagem. O casal já tem data para as núpcias. Aquele ninho de amor primaveril acolherá uma única ninhada, e estará, num ato benevolente, disponível a outros de qualquer espécie, que estarão à espreita para usufruir do benefício gratuito assim que possível.
   
Reencontrarei o envolvente vento verde com suas invisíveis rajadas de ar puro, que inspirarei inflando os cantos mais remotos de meus pulmões. Sorverei os mistérios da mata virgem escondidos no emaranhado das raízes, que serpenteiam o subsolo; nas folhagens fantasmagóricas, que levantam as mãos verdes para me assustar; na impenetrável trama de galhos do espinheiro, que crescem em direção aos espaços livres para vedá-los; na disfarçada quietude dos insetos em incessante labor; no cheiro úmido da fertilidade; no infinito burburinho da natureza em ritmado agito de proliferação.
   
Escutarei o córrego que, com sua imponência arterial, corta e irriga o chão, e, em pulsação frenética, jorra vida riacho afora.  Preciso guardar áudios daquele chuá fresco e cristalino das águas correndo entre as pedras; certamente me serão terapêuticos quando me pesar a rotina.
   
De alma e mala prontas, aceitei o convite da anfitriã natureza. Até mais, cidade grande. Voltarei, não antes de dissipar por lá a minha nostalgia, de cantar em prosa e verso minha alegria e de fazer ‘selfies’ de te causar inveja.
       
Eva Crochemore


31 de jan de 2019

Carta, por Eva Crochemore - Oficina Inspiraturas de Escrita Literária


Sr. Guardião de dons e talentos,

Sempre considerei admirável, por sua nobreza, a tarefa que desempenhas. Não só guardas todos os dons e talentos, mas também te agradas sobremaneira em distribuí-los entre os humanos, de modo que seja edificada a vida de um com o talento do outro. Nesta benemérita mutualidade, propões que ofertemos ao outro o nosso melhor.

É fascinante como derramas sobre os artistas teus fluidos generosos, cabendo aos poetas, verdadeiros chefs da poética gourmet, preparar com arte a palavra-alimento que sacia as almas famintas de sensibilidade e carentes de beleza interior.

Aos músicos concedes como dádiva criativas sonoridades; aos artistas plásticos, fantásticas imagens, cor e forma; e aos literatos, o som, a cor e a forma que a poesia desenha, pinta e sonoriza.

Pude sentir teu toque. Foi na madura idade, de coração contrito. Tu bem sabias da dor daquela perda me pesando a alma. Senti teu orvalho, teu refrigério. E a inspiração vinda do teu mundo fez eclodir em mim lampejos de arte. Talvez considerasses que era chegada a hora de eu me despedir do meu artista plástico que fora para junto de ti havia meses. Desenhei, naquela tarde, surpreendentes e admiráveis imagens reveladoras de singela beleza a retratar boas lembranças. Aqueles desenhos simbolizaram uma homenagem póstuma. Nunca mais desenhei.

Quando me abri a receber mais de ti, me surpreendeste com pequena porção do gosto pela escrita. Ainda homenageei o meu irmão-artista com o meu primeiro poema. Sei que ele o leu no meu coração. Não parei mais de escrever.

Agradeço-te por isso, sábio guardião, mas principalmente por teres me apresentado a Oficina de Arte de Todas as Letras. Lá fui recebida por teus talentosos poetas, teus agraciados artistas que fazem da palavra seu instrumento musical, sua tela, sua obra de arte em prosa e verso. E a cada encontro tens preparado um banquete de talentos, para nos deliciarmos com as melhores porções que preparamos e servimos uns para os outros.

Com gratidão,

Tua oficineira

Eva Crochemore, janeiro de 2019.


11 de jan de 2019

oficina de escrita literária 2019

Poesia dos desadornos, de sacharuk

solicite o e-book gratuitamente em seu e-mail

Poesia dos desadornos traz o traçado da experiência lírica do poeta Sacharuk, fundador da NOP Nova Ordem da Poesia e do projeto INSPIRATURAS com oficinas de escrita literária e escrita criativa para o desenvolvimento de novos escritores.

No livro, Sacharuk revela uma verve sensorial e mística, na qual a sensualidade e a interação com a natureza são preponderantes. Seus poemas, repletos de sonoridade e ritmo, são plenos de musicalidade. Sua linguagem rara apela para a beleza do léxico de forma natural e agradável. Poesia dos desadornos é, decerto, uma experiência marcante de leitura, com poemas que capturam e sintetizam, num traçado incrivelmente belo, sentimentos e sensações tão comuns à natureza humana.

Sacharuk já publicou "Escorpião - versos autobiográficos" e participou de diversas antologias poéticas, dentre as quais a destacada "Inspiraturas Ano I", junto aos poetas oficineiros do projeto Inspiraturas.

                                                                                               Leandra "Lelop" Lopes

Sacharuk no Facebook: https://www.facebook.com/wasilsacharuk

Entre em contato com o autor: sacharuk@gmail.com

www.inspiraturas.com - visite-nos, também, no facebook

oficina de escrita literária = RESTAM DUAS VAGAS em Pelotas